Givenchy em NY

O desfile ao ar livre na Big Apple, em clima preto e branco, sensual, romântico, com transparencias e rendas inspirado nas lingeries, mostrou a coleçao da francesa Givenchy na semana de moda de NY. Dá uma olhada nas fotos da Marina Sprogis, para se ter noção da beleza da grifona em passarela.  

Givenchy by Riccardo Tisci - Spring Summer 2016 Collection in New York City (PRNewsFoto/Givenchy)
Nesta estação, a Maison Givenchy, sob a iniciativa do diretor artístico Riccardo Tisci, trouxe uma coleção excepcional para Nova York, uma vez que a cidade representa a capital do sonho americano – para o designer e para o fundador Hubert de Givenchy, ambos desde o início apoiados pelo mercado americano.
Em 11 de setembro de 2015, New York apresentou um show de apresentações dedicado ao amor e ao compartilhar. Com um décor de materiais reciclados instalado nas margens do Hudson, em Tribeca, havia um público presente sem precedentes: profissionais do mundo da moda estiveram ombro a ombro com celebridades, estudantes da escola de moda, vencedores de uma competição organizada em parceria com a cidade e residentes locais da vizinhança.  
O site givenchy.com e telas gigantes instaladas em toda a cidade, do Soho à Times Square, transmitiram o show ao vivo, enquanto ônibus anunciantes faziam seu trajeto através do Bronx, Harlem e Queens, convidando o máximo número possível de pessoas para que seguissem o evento.  
Com Marina Abramovi, uma amiga da Maison e coautora de inúmeros projetos artísticos, Riccardo Tisci criou uma apresentação que foi além do escopo da moda. Concebida para ser uma experiência emocional, focando em temas universais (amor, paz, liberdade, humildade, espiritualidade), ela notavelmente pôs o foco de luz em quatro artistas que interpretaram cânticos espirituais e culturais de todo o mundo. Fiel à forma, Marina Abramovi? também convidou sete artistas a apresentarem-se ao vivo, no local do show.
Enquanto o evento coincide com a abertura da nova boutique na Madison Avenue, criada por Riccardo Tisci, e o aniversário de dez anos do designer com diretor artístico da casa, ele é, sobretudo, para celebrar o sucesso do estilo Givenchy, que encontra igual expressão, tanto no mundo da alta costura como na moda de rua. Formas do prêt-à-porter para mulheres, da alta costura e da moda masculina, tudo veio para exemplificar esse estilo contrastante.
Os diferentes visuais de moda são reinterpretações excepcionais das peças mais icônicas que Riccardo Tisci criou durante a última década. Preto e branco, masculino e feminino, força e fragilidade, a disciplina de alfaiate e a delicadeza da lingerie se juntam de um modo natural, numa coleção que parece o casamento de opostos. Ela envolveu top models de personalidade forte, escolhidas por Riccardo Tisci, como Joan Smalls e Mariacarla Boscono, que desfilaram essas peças e realçaram o lado humano e sensual do estilo dele para Givenchy.
(Texto PR Newswire )

POSTAR UM COMENTÁRIO //

 
© Copyright 2010-2016  ‣  Blog Carlos Frederico Silva  ‣  Tecnologia Blogger  ‣  Customizado por Studio UPSE7E